Diário Supremo
O seu site do dia a dia!

Bitcoin e Ethereum tem semana de queda; movimento do mercado cripto essa semana

As criptomoedas provocaram fortes emoções nos investidores nessa semana

São José do Rio Preto, 5 de agosto de 2022, por Sérgio Carrieri – O Bitcoin e a Ethereum iniciaram a primeira semana de agosto em queda. Depois do quarto dia consecutivo de perdas, o Bitcoin (BTC) fechou a terça-feira (2) abaixo dos US$ 23 mil. Ao mesmo tempo, o Ethereum (ETH), após expressivas altas em julho, perdia 7% á US$ 1.570.

Dessa forma, o Diário Superpix vem trazer mais detalhes da desvalorização das principais criptomoedas do mercado. A princípio parece um movimento de realização de lucros dos investidores. Afinal, ambas as moedas tiveram uma grande valorização durante o mês de julho.

Bitcoin e Ethereum tem semana de queda; movimento do mercado cripto essa semana - Freepik
Bitcoin e Ethereum tem semana de queda; movimento do mercado cripto essa semana – Freepik

 

Porém, parece que a recente tensão entre a China e os Estados Unidos desencadearam uma aversão ao aumento do risco. Ainda mais após a visita de Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Deputados americana, á Taiwan. Mesmo diante das ameaças de retaliações, prometidas pelo gigante asiático.

Apesar das recentes quedas, Bitcoin e Ethereum operam estáveis

Num primeiro momento, olhando para as recentes quedas, é possível se equivocar e prever uma crise de confiança nas criptos. Sobretudo pela interrupção da sequência de altas observadas em julho. Segundo analistas, se olharmos no médio prazo, as moedas estão seguindo certa estabilidade.

Nesse sentido, também é preciso lembrar que estamos num momento historicamente de menor movimento. Principalmente por conta do verão na Europa e América do Norte, e por ser o primeiro pós-pandemia. Além disso, o setor das criptos passa por uma retomada de investimentos institucionais cada vez maiores.

Coinbase oferece staking de Ethereum para empresas

A casa de câmbio digital californiana Coinbase está disponibilizando a opção de staking para clientes institucionais. Ou seja, é uma espécie de poupança que rende juros para quem deixa suas criptomoedas guardadas com eles. A intensão é atrair grandes investidores que não sabem como entrar no negócio.

A expectativa do mercado é de que as criptomoedas continuem com grande potencial de novos ganhos, para quem quer arriscar. Conforme artigo publicado em 2 de agosto no Portal InfoMoney. Já que mesmo com a diminuição dos negócios no verão, em julho houve um recorde na captação de novos investidores.

Por outro lado, o investidor ainda tem que estar muito atento para as reviravoltas que este tipo de ativo pode oferecer. Por exemplo, a criptomoeda Filecoin (FIL), de uma plataforma de armazenamento em nuvem, despencou 20,5% na última terça-feira. Mesmo após subir 100% em apenas três dias.

Enfim, para quem vai operar esse tipo de investimento é preciso ter em mente a necessidade da ajuda de uma corretora conceituada. A volatilidade e imprevisibilidade dos criptoativos demandam uma atenção e dedicação que muitos investidores não conseguem dispor. Na hora de investir o patrimônio suado, não é bom contar apenas com sorte.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais