Diário Supremo
O seu site do dia a dia!

Deolane Bezerra entra novamente em polêmica com a polícia

Cuiabá, 25 de julho, por Amanda Souza – A influenciadora e advogada Deolane Bezerra entrou novamente em mais uma polêmica envolvendo a polícia. Desta vez, a famosa foi até a delegacia prestar queixa contra a delegada Maria Aparecida Corsato por perseguição. Segundo a famosa, a delegada se negou a devolver seus carros de luxo.

Por meio de sua rede social, Deolane disse que ela não vai conseguir fama em cima dela. Muitos internautas saíram em defesa da artista: ”Certo pelo certo. Falo como colega de profissão dela, HOUVE EXCESSO SIM!”, ”Vai doutora”, ”não esperava menos, ela é advogada e consequentemente sabe sobre as leis”, foram alguns comentários. Veja mais no Diário SP.

“O mandado é nulo, ela não listou os bens apreendidos na minha residência no momento exata. Não constava a apreensão dos carros”, pontuou a advogada. Em seguida, ela continuou seu relato e afirmou que se trata de uma perseguição.

“Ela está me enrolando há mais de uma semana por essa decisão e só saiu hoje porque não tinha mais para onde fugir. É perseguição? É. Porque mais de cem influenciadores fizeram a mesma publicidade que eu fiz. Agora eu estou me deslocando para a corregedoria para fazer uma denúncia contra ela. Se ela quer fama, não vai conseguir por meio de mim”, disse.

Entenda a polêmica envolvendo Deolane Bezerra

No último dia 14 de julho, Deolane Bezerra passou por uma acareação da polícia que foi até a mansão da advogada para fazer busca e apreensão. Além de celular e computadores, eles levaram dois carros de luxo, além de agendas e joias.

A ação aconteceu porque ela fez uma publicidade da empresa BetZord. Então, ela e outros influenciadores foram investigados pela polícia e tiveram alguns bens apreendidos, como foi o caso dela e também o humorista Tirullipa.

Para Roberto Cabrini, a viúva de Mc Kevin deu mais detalhes sobre tudo o que aconteceu em sua residência em Alphaville, SP: “Foi um contrato de publicidade como qualquer outro, e eles [a polícia] estão investigando a empresa. Eu cai de paraquedas no meio porque eu fiz publicidade para a empresa. Fizeram o trabalho deles. Eu forneci as informações necessárias, que precisam, hoje. Fiz pedido de restituição do veículo e vou esperar a decisão da delegada. Mas vai dar certo”, disse.

Então, essa polêmica virou motivação política. Muitos ligaram o fato da advogada ter sido parte de uma diligência da polícia sobre o fato dela declarar apoio a Lula e isso deu o que falar nas redes sociais.

Ela ainda entrou em embate com o colunista Leo Dias que publicou uma notícia falsa, declarando que a artista estaria sendo algo de investigação por lavagem de dinheiro, o que foi desmentido pela equipe jurídica da famosa.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais