Diário Supremo
O seu site do dia a dia!

Luísa Sonza é detonada na web após debochar de não-binários

Cuiabá, 21 de julho, por Amanda Souza – A cantora Luísa Sonza está sendo duramente criticada na web após gravar um vídeo com a influencer Belle Belinha. O motivo? Nas imagens, as duas reproduzem a fala de Belle que virou meme nas redes sociais: ”Cadê o banheiro dos não-bináries porque eu hablo mesmo!”, brincaram aos risos.

Acontece que o pessoal do gênero não-binário não gostou da atitude da cantora pop e passaram a criticá-las nas redes sociais. Muitos estão reclamando da forma jocosa que a loira usou no vídeo de deboche e pediram respeito para a artista pop. Veja mais no Diário SP.

Luísa Sonza abre o coração sobre relacionamentos

A cantora Luísa Sonza, que está solteira desde o fim do namoro com Vitão, falou sobre a sua solteirice. A artista não negou que se apaixona fácil. Segundo ela, toda pessoa que ela fica, ela acaba se apaixonando.

“A Luísa Sonza é uma super-heroína que eu crio do que eu queria ser. Me apaixono por toda pessoa que eu fico. Me apaixonei por um esses dias, jurei que ia casar, fiquei duas vezes. Da primeira pessoa que fiquei até hoje, ainda estou apaixonada por todas as pessoas. Tem um que eu odeio, mas não é o que vocês estão pensando. Não sei se eu não supero, ou se supero e mudo”, confessou a artista.

“Eu entendi e me aceitei como eu sou. do meu último relacionamento sério pra cá, eu entendi. Eu quero casar, ter filhos e viver 50 anos com a pessoa. Todo aquele conto de fadas dos livros infantis, não me curei”, contou a famosa.

Antes de Vitão, ela foi casada por dois anos com o humorista Whindersson Nunes. Inclusive, foi o próprio youtuber quem decidiu colocar um ponto final no relacionamento com a cantora. Então, ela escreveu uma música sobre o comediante chamada ”Penhasco”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais