Diário Supremo
O seu site do dia a dia!

Mostra de pinturas feitas por pessoas surdas é realizada em Volta Redonda

Volta Redonda fez uma mostra de pinturas feitas por pessoas com deficiência auditiva

Quatis, 27 de julho de 2022, por Denise Bamonte – Muito se toca na tecla da inclusão hoje em dia. No entanto, para fazer realmente a diferença na vida das pessoas com algum tipo de deficiência é preciso de ação. Foi isso que Volta Redonda fez com a primeira mostra de pinturas feitas por deficientes auditivos.

Se você se interessa por esse assunto e o considera importante, continue lendo a matéria. Veja então como cidades do interior se preocupam em praticar a inclusão por meio de uma mostra de pinturas na qual os artistas são pessoas deficientes.

Mostra de pinturas feitas por pessoas surdas é realizada em Volta Redonda
Mostra de pinturas feitas por pessoas surdas é realizada em Volta Redonda – Foto: Pexels

Mostra de pinturas feita por artistas surdos

Antes de mais nada, não é a primeira vez que a Prefeitura de Volta Redonda fomenta a inclusão. Diversas iniciativas são colocadas em prática anualmente para promover a qualidade de vida de pessoas com algum tipo de deficiência.

Recentemente, inaugurou uma biblioteca na cidade onde é possível encontrar exemplares em braile para a comunidade cega. Ademais, o Prefeito Antônio Neto é famoso por dar lugar e aprovar programas com esse objetivo.

Nesse sentido, em conjunto com a Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência, a cidade de Volta Redonda deu início à primeira apresentação de artes feitas por pessoas que carecem do sentido auditivo. Segundo os presentes, foi um momento emocionante e que deixou muito orgulhosos a todos os familiares e amigos dos expositores.

A ideia é que essa seja apenas a primeira mostra de pinturas com o objetivo de incluir cada vez mais às pessoas deficientes que tanto tem a oferecer. Além disso, é uma forma de inspirar e de ir além das próprias limitações. Ainda o projeto serve como uma ponte que pode fornecer novas oportunidades de trabalho para os artistas surdos.

Assim, entre as obras é possível encontrar esculturas e pinturas com os estilos mais variados. São peças únicas e cheias da personalidade de cada um dos artistas, que vale muito a pena aproveitar.

Como participar da mostra?

A mostra foi apresentada na Biblioteca Municipal Raul de Leoni, que fica no bairro Vila Santa Cecília. Quem não teve a oportunidade de ir ainda, não se preocupe. Então, as pessoas interessadas em visitar o lugar podem comparecer até 12 de agosto a partir das 8 horas da manhã.

Vale destacar que a entrada é livre e gratuita para todos e não precisa realizar reservas. Os artistas surdos aguardam com muito prazer a visita de cada um para conferir o lindo trabalho feito por eles.

Nos conte nos comentários se gostou de saber mais sobre a mostra de pinturas e o gesto de inclusão que a cidade de Volta Redonda teve. Por fim, não deixe de acompanhar as outras matéria do dia no Diário SP

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais