Diário Supremo
O seu site do dia a dia!

Novas doenças tomam conta da realidade brasileira; saiba detalhes

Doenças como Covid-19, Varíola e a nova hepatite são considerados novos surtos que assustam muitas famílias

Nova Mutum, dia 19 de julho de 2022, por Camila Vicente – Hoje vamos falar sobre as doenças que vem vitimizando muitas pessoas no Brasil e no mundo. Ademais, falaremos também sobre os casos que mais tem chamado a atenção dos brasileiros e a relação do surgimento de cada doença.

Conforme apurado pelo Diáriosp, desde o ano de 2019 uma grande turbulência tem tomado conta de todo o mundo. A saber, a chegada do Covid-19 debilitou muitas famílias, fechou muitos comércios e os resquícios desta doença ainda não foram embora.

Em contrapartida a qualquer expectativa de melhora dos quadros de covid-19 a situação somente se agrava. Novas doenças como Varíola e a nova Hepatite, também fazem muitos reféns.

Casos de Varíola na realidade brasileira

A chamada Varíola dos macacos é doença que pouco se sabe. No entanto, já há um registro de mais de 200 casos e o primeiro no Brasil trata-se de um homem de 41 anos que viajou para a Espanha que hoje é o segundo país com o maior numero de casos.

Ao ser descoberta a doença o homem ficou em isolamento no Hospital Emílio Ribas na cidade de São Paulo. Posterior, foi registrado o segundo caso no Brasil em um homem de 29 anos que também se encontra em isolamento na cidade de Vinhedo SP. Em mesmo sentido, o homem tem histórico de viagens para Portugal e Espanha. Assim, no início deste mês o Brasil já tem cerca de 173 casos de Varíola dos macacos já confirmados.

Constatação de Varíola no Mato Grosso

A saber, no Mato Grosso, foi colocado em observação um caso suspeito de um morador do Município de Cáceres que fica a 220 km da Capital do Estado. Ademais o caso tornou público por uma denuncia anônima no dia 26 de junho.Vigilância em Saúde do Estado de Mato Grosso esclareceu a situação e descartou o caso.

Novo tipo de Hepatipe assusta brasileiros e OMS alerta quanto há riscos

Outrossim, circula atualmente um novo tipo de hepatite aguda que causa inflamação no fígado. Assim, os casos já passam de 40 em todo o pais.

Cabe salientar, que o primeiro caso de hepatite se deu em uma jovem de 16 anos no interior de mato Grosso do Sul e a jovem deu entrada no hospital com sintomas de mal-estar, náuseas, febre e icterícia. Outros 16 estados apresentam suspeitos da doença e estes estão em observação. Acima de tudo, demonstra-se que a grande maioria dos casos ocorrem em crianças e adolescentes e muitos são da região Sudeste.

Cientistas afirmam, que as causas prováveis para a chegada de tantas doenças ou o surgimento de de algumas já conhecidas ocorrem em decorrência da humanidade estar se tornando mais vulnerável. Acredita-se também, na possibilidade de impactos decorrentes dos desequilíbrios ambientais e após a crise socioeconômica.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Ler mais