Dinheiro

Jornalista Carlos Mendes traz as novidades sobre o Bolsa Família

No dia 31 de março de 2023, a Caixa Econômica Federal concluiu o pagamento da primeira parcela do novo Bolsa Família, que agora conta com um adicional de R$ 150 para famílias com crianças de até 6 anos.

Novo valor médio do Bolsa Família

O valor mínimo do benefício é de R$ 600, mas com o adicional o valor médio do Bolsa Família sobe para R$ 669,93. De acordo com o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, neste mês o programa de transferência de renda do governo federal alcançará 21,1 milhões de famílias, com gasto de R$ 14 bilhões.

Revisão do cadastro do Bolsa Família

Com a revisão do cadastro, que eliminou principalmente famílias constituídas de uma única pessoa, 1,48 milhão de beneficiários foram excluídos do Bolsa Família e 694,2 mil famílias incluídas, das quais 335,7 mil com crianças de até 6 anos.

Auxílio Gás

Neste mês não haverá o pagamento do Auxílio Gás, que beneficia famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Como o benefício só é concedido a cada dois meses, o pagamento voltará em abril.

O Auxílio Gás é concedido apenas para as famílias que possuem ao menos um membro recebendo o Benefício de Prestação Continuada (BPC) e estão incluídas no CadÚnico. A lei que criou o programa definiu que mulheres responsáveis pela família e mulheres vítimas de violência doméstica terão preferência na concessão do benefício.

Comentário do Jornalista Carlos Mendes

As mudanças no Bolsa Família visam melhorar a vida de milhões de brasileiros que dependem desse programa de transferência de renda. É importante que o governo continue investindo em políticas sociais para combater a desigualdade e a pobreza no país.

Dabliu Mendes

Dabliu Mendes é um jornalista brasileiro, atualmente mora na cidade de Nova Mutum e tem atualmente 34 anos

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
.