Direitos

Cuidado com os seus Dados Pessoais na internet. Golpistas estão cada vez mais perigosos; confira

São José do Rio Preto, 27 de novembro de 2022, por Sérgio Carrieri – Os Dados Pessoais devem ser protegidos como um bem valioso hoje em dia. Sobretudo nesses tempos onde todos estão conectados através da internet. Afinal, o brasileiro deixa um rastro digital sempre que utiliza seu computador, notebook ou mesmo o telefone celular.

Dessa forma, o Diário Superpix vem trazer dicas importantes sobre a segurança digital e como tentar se proteger de possíveis golpes na rede. Bem como se defender e o que fazer em caso de ser vítima de um crime cibernético. Principalmente em períodos de grandes consumos pela rede, como no caso da Black Friday e festas de fim de ano.

Existe uma Lei que protege os Dados Pessoais do consumidor?

Com a popularidade crescente da internet na vida das pessoas em todo o mundo, é muito difícil controlar por onde andam os Dados Pessoais. Por exemplo, no momento de uma compra online ou mesmo ao baixar um aplicativo, nossas informações são solicitadas. Para o usuário, é muito importante ter uma legislação que o proteja de vazamentos desses dados.

Por isso, desde agosto de 2018, existe no Brasil a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD). Em vigor desde 2020, se tornou uma das leis mais comentadas e citadas do país, assim como foi com o Código de Defesa do Consumidor. Ou seja, obriga as empresas a cuidarem de forma segura, conforme artigo publicado em 27 de novembro, no Portal Jovem Pan.

Cuidado com os seus Dados Pessoais na internet. Golpistas estão cada vez mais perigosos; confira - Reprodução Jovem Pan
Cuidado com os seus Dados Pessoais na internet. Golpistas estão cada vez mais perigosos; confira – Reprodução Jovem Pan

O que fazer se os Dados Pessoais forem utilizados indevidamente?

Antes de tudo, ao descobrir um golpe relacionado com os Dados Pessoais, o consumidor deve procurar uma delegacia de polícia e registrar um boletim de ocorrência. Em seguida, contatar de forma breve, a instituição financeira ou empresa que foi envolvida no golpe. Buscando assim, esclarecer o problema e minimizar os danos.

Se constatado o vazamento de informações, a vítima pode ainda registrar uma notificação pelo site da Autoridade Nacional e Proteção de Dados. Informando nesse caso, a empresa que vazou informações sigilosas de seus clientes e solicitar um ressarcimento. Em último caso, o consumidor poderá entrar com uma ação judicial contra a empresa ou banco.

Quais os cuidados com os Dados Pessoais na internet?

Atualmente, as pessoas estão cada vez mais compartilhando seus dados pela internet, mesmo que de forma involuntária. Ao se cadastrar em um site de compras, verificar a real necessidade de informar todos os dados solicitados. Por exemplo, não dar nenhuma informação se for apenas uma consulta por um produto ou preço.

Muitos bancos já oferecem cartões temporários para compras exclusivas pela internet, que deixam de existir depois de pouco tempo. Por último, é importante lembrar que conhecimento é poder. Portanto, quanto menos informação a seu respeito o consumidor disponibilizar, mais protegido estará.

Sergio Carrieri

Nascido em São Paulo, familiarizado com a correria frenética e barulho desde muito jovem e morando atualmente na quente, mas linda São José do Rio Preto. Pós Graduado em 2005 em Administração pela Universidade Nove de Julho em SP, mais de 10 anos de experiência na área de tecnologia bancária e mais de 12 anos como trader, ex-empresário, redator, investidor imobiliário e praticante amador de tênis de mesa. Casado, viajante e amante de motociclismo, sempre me preparando para a próxima aventura, já que a vida é curta e passa rápido!

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
.